visto negado? visto americano

Recusa de visto dos EUA, negação e reaplicação

 

MEU VISTO FOI NEGADO! POR QUE ?

Pode haver vários motivos para a recusa de visto ou negação ou rejeição de visto. Caso o consulado recuse seu visto americano, você pode receber um formulário com uma cláusula de recusa / motivo como 221g (processamento administrativo) ou 214b. (Recusa)

 

POR QUE MEU VISTO FOI NEGADO?

De acordo com as diretrizes dos EUA em matéria de imigração e leis de visto, um visto deve ser negado se o requerente não puder estabelecer sua elegibilidade, quer porque o pedido não atende aos requisitos de uma categoria de visto estabelecida, ou porque há motivos para não ser elegíveis com base em outros Aspectos do caso do visto. A recusa de visto é a negação formal de um pedido de visto de não imigrante emitido por um funcionário consular dos EUA que atua nos termos da Lei de Imigração e Nacionalidade. (Mais informações sobre recusas de visto podem ser encontradas em http://travel.state.gov/).

 

COMO REVERTER MINHA RECUSA?

Algumas recusas de visto podem ser revertidas com o  fornecimento de informações adicionais . Se você acredita que tem mais informações e provas que podem ajudar o oficial de vistos a tomar a decisão a seu favor, você deve voltar a solicitar o visto com todas as informações e documentos comprovativos. Cabe aos funcionários consulares das embaixadas e consulados dos EUA determinar a elegibilidade individualmente sobre os méritos de cada caso.

 

A maioria dos casos de recusa (221g) pode ser apenas por falta de documentos ou informações adicionais exigidas pelo consulado.

 

Os requerentes são recusados ​​nos termos da Secção 214 (b) INA se não puderem demonstrar, com a satisfação de um funcionário consular, que tenham vínculos familiares, sociais e econômicos suficientemente duros e duradouros fora dos Estados Unidos que os façam partir dos Estados Unidos depois de uma estadia temporária.

Os funcionários consulares tendem a se concentrar em fatores que nos ajudam a determinar se os candidatos possuem vínculos convincentes com o país de origem do requerente:

Se os candidatos já viajaram para os EUA anteriormente, por quanto tempo eles permaneceram? Se eles ficaram por mais de 6 meses, eles tiveram a aprovação do INS para fazê-lo?

(Nota: peça aos candidatos que tragam os avisos de aprovação da extensão INS para a entrevista).

Se os candidatos viajaram para os Estados Unidos anteriormente, por quanto tempo eles voltaram para o país de origem?

Quantos filhos e netos os candidatos voltaram para o país de origem?

O candidato atua profissionalmente em seu país de origem; em caso afirmativo, qual é a sua renda e a natureza do seu trabalho?

As respostas a estas questões referem-se a saber se os candidatos podem cumprir os requisitos estatutário da Lei de Imigração e Nacionalidade para demonstrar que têm uma residência permanente no seu país de origem.

Cada caso é diferente em seu próprio e o funcionário consular avalia cada pedido de visto por mérito próprio de acordo com a legislação e procedimentos de vistos.

 

Muitas vezes, os candidatos mais antigos (na maioria  pais visitantes) não entendem por que suas aplicações para retornar aos EUA uma segunda vez são negadas, embora o INS tenha aprovado uma extensão da permanência durante sua visita anterior. Normalmente, esses candidatos permaneceram nos EUA por um ano ou mais e voltaram para o país de origem apenas um curto período de tempo. Nessas circunstâncias, os candidatos têm grande dificuldade em estabelecer que têm obrigações sociais ou profissionais convincentes em seu país de origem, tornando-os inadmissíveis a receber outro visto.

 

POSSO APELAR A NEGAÇÃO DE MEU VISTO?

Sim, voce pode entrar em contato com o consulado pedindo maiores informações e também enviar mais informações ao consulado para que talvez seu pedido seja revisado, lembrando que a decisão anterior e irreversível quanto as taxas e caso deseje fazer uma nova solicitação onde seu pedido sera reavaliado todas as taxas terão de ser pagas novamente.

 

O QUE SÃO LAÇOS FORTES COM MEU PAIS DE ORIGEM?

Laços fortes diferem de país para país, de cidade em cidade, individuais para individuais. Os "laços" são os vários aspectos da vida de uma pessoa que os vinculam ao seu país ou residência: posses, emprego, relacionamentos sociais e familiares. Alguns exemplos de laços podem ser o trabalho e a renda de uma pessoa, uma casa ou apartamento, um carro, relações familiares íntimas, contas bancárias, etc.

 

Esses vínculos podem incluir negócios, emprego, família, propriedades ou outras conexões que satisfaçam um funcionário consular que o candidato deixará os Estados Unidos voluntariamente após uma visita temporária. Por exemplo, você pode trazer uma carta do seu empregador atual, com cabeçalho, com seu cargo / cargo, duração do emprego e salário mensal e os três extratos bancários dos últimos meses.

 

No caso de candidatos mais jovens que talvez não tenham tido a oportunidade de estabelecer tais vínculos, a lei estadunidense considera o status educacional, as notas escolares e os planos de longo prazo no país de origem

 

Como a situação de cada pessoa é diferente, não existe um critério único que mostre vínculos convincentes com o país de origem. Cada caso é examinado individualmente. Os oficiais consulares são treinados para analisar cada aplicação individualmente e considerar fatores profissionais, sociais, culturais e outros.

 

UMA NEGAÇÃO NO TERMOS DO ART. 214 (b) E PERMANENTE?

Não. Se um requerente tiver novas informações que não foram apresentadas ao agente entrevistador no momento do primeiro pedido, ou se as circunstâncias gerais dos candidatos mudaram significativamente desde o último pedido, um visto pode ser aprovado.

QUANTO TEMPO DEVO ESPERAR APOS A RECUSA?

Não há restrição de tempo ao reenviar um novo pedido após uma recusa. Se houver informações adicionais ou documentação de apoio que possam demonstrar ainda a qualificação do candidato para um visto, um pedido pode ser reenviado.

 

LEVEI TODOS OS DOCUMENTOS SOLICITADOS MESMO ASSIM FOI NEGADO! POR QUE?

O problema não são os documentos,  e sim  a situação geral atual dos candidatos (apoiada por esses documentos) não era adequada para superar a presunção de que ele ou ela ira retornar ao pais de origem. Lembre-se, a lei dos EUA diz que todos os candidatos para vistos de não-imigrantes  na verdade pretendem solicitar um visto de imigrantes até que mostrem que suas circunstâncias gerais seriam adequadas para obrigar seu retorno para casa depois de visitar os EUA, ou seja o entrevistador parte do principio de que todos os solicitantes desejam ficar no USA, cabe a cada um demonstrar com provas que irão retornar ao Brasil.

 

Por que as entrevistas de visto são tão curtas? Fui recusado depois de apenas algumas perguntas e o entrevistador mal olhou meus documentos?

Os agentes de vistos lidam com milhares de pedidos a cada ano, seu formulário DS-160 e uma das partes mais importantes de seu pedido, seu formulário e seu perfil para o agente que antes de lhe entrevistar analisa seu formulário,Com base nesta experiência, eles são capazes de rever rapidamente o formulário de inscrição e os documentos de apoio, a fim de reduzir  as perguntas  necessárias. Tenha em mente que muitas informações necessárias para tomar uma decisão já são fornecidas no próprio formulário de inscrição, portanto geralmente não há necessidade de o oficial fazer mais do que algumas perguntas adicionais.

 

EU DISSE AO AGENTE QUE IRIA PARA O USA POR UM CURTO PERIODO DE TEMPO. POR QUE ELE NEGOU MEU PEDIDO?

Os oficiais de visto são obrigados a avaliar a situação geral dos candidatos antes de uma decisão. A declaração indicando que o candidato pretende retornar ao país de origem é útil, mas, de acordo com os requisitos da lei dos EUA, a declaração isolada não é adequada para mostrar que eles são elegíveis para um visto.

 

SE MEU PEDIDO FOR NEGADO, AJUDARIA TER UM FUNCIONÁRIO DE ALTO ESCALÃO , COMO CONGRESSISTA /SENADORES, CIDADÃOS AMERICANOS ENTRAR EM CONTATO COM O CONSULADO?

Não. A lei dos Estados Unidos atribui a responsabilidade pela emissão ou recusa de vistos a funcionários consulares no exterior. Eles têm a palavra final em todos os casos de visto. Além disso, a lei dos Estados Unidos destina-se a isolar as decisões em casos de visto com influências externas. Um candidato pode influenciar a reversão de uma negação anterior somente através da apresentação de novas evidências convincentes de laços fortes.

 

DEVO USAR UM CONSULTOR PARA ME AUXILIAR?

O assunto é uma decisão pessoal para cada candidato. No entanto,  a ajuda profissional sempre e recomendada, apesar de todo o processo ser gratis pela internet a parte mais importente de seu pedido e o preenchimento de seu formulario, e para que voce apresente um formulario de acordo com as especificações consulares recomenda-se a ajuda profissional, porem agentes de viajens nao sao consultores de imigração e tem um conhecimento limitado a respeito do assunto, muitas vezes as agencias de viagens tercerizam os pedidos de seus clientes com uma empresa expecializada no assunto como a A&C consultoria.Nossa experiência ira lhe auxiliar passo a passo para que todo processo seja o mais tranquilo possivel

B2 VISA

O US Visitor Visa é um visto de turista para os EUA. Também é conhecido como B2 Visa. O visto de visitante é um visto de não imigrante emitido para pessoas que entram nos EUA temporariamente por prazer, turismo ou tratamento médico. Qualquer cidadão estrangeiro, incluindo pais que desejem visitar os EUA para o turismo, visitar crianças, familiares, amigos, parentes, participar de eventos especiais, funções familiares, cerimônias ou para tratamento médico podem se qualificar e podem candidatar-se a Visa de visitante.

 

Nota: Os cidadãos de certos países podem não exigir visto se a viagem for inferior a 90 dias.

Este é conhecido US Visa Waiver Program (VWP).

 

Fatos rápidos sobre o US Visitor Visa

 

Visto de visitante ou visto de turista também é conhecido como visto B1-B2 ou B2 para EUA.

O visto visitante está sujeito à aprovação. Você deve inscrever-se e obter o visto de visitante colado no seu passaporte.

O visto de turista é concedido apenas para fins específicos, como turismo, tratamento médico, etc. A pessoa que entra nos Estados Unidos em visto de visitante não deve estar envolvida em estudo, negócios ou trabalho. Se o objetivo da sua viagem for comercial, você deve solicitar o US Business Visa (Visa B1).

A duração máxima da estadia nos EUA no visto de visitante pode ser de 6 meses ou menos, o que está sujeito a concessão no porto de entrada no aeroporto dos EUA à chegada. Pode ser possível prolongar até 6 meses máximo, o que está sujeito a aprovação. Para solicitar uma extensão, você precisará enviar uma solicitação de extensão de visto de visitante para o USCIS com taxa.

 

Como obter visto de visitante para os EUA?

 

Obter um visto de visitante para EUA está sujeito à aprovação. Cada requerente deve ter um passaporte válido, enviar o formulário de inscrição, pagar a taxa e aparecer para a entrevista.

Aqui estão os 5 principais motivos pelos quais seu pedido de visto pode ser negado:

 

1. Não estar preparado

2. Solicitando o visto incorreto

3. Fornecer informações incorretas ou insuficientes

4. Confiante demais durante a entrevista

5. Dando muita informação

A América, e a terra da oportunidade, é o destino para todos no mundo. Todos os anos, milhões de pessoas se candidatam aos vistos dos EUA. Um pequeno engano pode ser um grande obstáculo no processo de aprovação de visto. Evite erros comuns durante o processo de visto e contrate uma ajuda profissional para ter maiores chances de sucesso.

 

TESTO POR:

Felipe Amoroso

consultor de imigração